ClipaTec Informática

Receba novidades por e-mail. Digite seu e-mail abaixo e clique no botão "Cadastrar"

Delivered by FeedBurner

13 de fevereiro de 2011

Surgimento e criação dos computadores

Neste artigo vamos falar um pouco sobre a histórico do computador.
Já falamos sobre a história do computador em nosso site, contudo sem muitos detalhes, por isso criamos este artigo para aprofundar um pouco mais sobre como surgiram os computadores, ou seja, a história do computador.
Desde a antiguidade, a sociedade humana já buscava criar meios que pudessem realizar cálculos. Os povos primitivos criaram um sistema de calcular chamado ábaco a cerca de 4.000 anos atrás. Eles criaram este sistema de calcular para auxiliar em suas tarefas do dia a dia.
Parece que isso não tem nada a ver com a história do computador, mas na verdade, a idéia de se criar um computador se deu graças à evolução das máquinas de calcular, pois esta era a função de um computador: realizar cálculos.
Logo veio a máquina de Blaise Pascal denominada “La Pascaline”, em 1642, máquina que no qual realizava cálculos de adição e subtração.
Devido ao seu alto preço, a máquina Pascalina não foi vendia em grande número.
Após Pascal, veio Leibniz com sua máquina de cálculos em 1672 que trabalhava por meio de alavancas e relógios. Esta na verdade foi uma aprimoração do modelo de Pascal, pois a La Pascaline não realizava cálculos de subtração e divisão.
Contudo, esta calculadora mecânica de Gottfried Leibnitz apresentou alguns problemas técnicos e logo parou de ser produzida.
Finalmente, em 1822 foi criada a máquina que realizava cálculos que ficou na história desta evolução: a máquina do matemático inglês Babbage.
Outra inovação que a máquina de Charles Babbage trouxe foi a capacidade de usar cartões perfurados.
Em 1890, Hermann Hollerith, desenvolveu uma máquina que além de utilizar cartões perfurados, utilizava também eletricidade.
A máquina de Hollerith foi testada com muito sucesso num grande evento: o censo norte-americano de 1890 no qual passou na frente das concorrentes.
Os cartões perfurados utilizados na máquina de Hollerith sofreram evolução também, pois passaram a gravar informações de características das pessoas como sexo, idade, data de nascimento, nacionalidade, etc.
Mediante este sucesso, Hollerith fundou em 1896 a TMC (Tabulation Machine Company), empresa que fabricava máquinas. Após a TMC juntar-se com mais outras duas empresa, formam a Computing Tabulation Recording Company (CTRC) que mais tarde mudou o nome para IBM (Internacional Business Machine), a maior empresa do ramo mundialmente conhecida.
A partir da introdução de eletricidade para o funcionamento das máquinas, foi notado que seria bem mais fácil produzir máquinas que trabalhassem com apenas dois estados. Para isso, adota-se o sistema de numeração binário para o funcionamento destas máquinas eletrônicas.
Graças a teoria de Boole em relação ao sistema de numeração binário bit (binary digit), este sistema passou a ser implementado em telefones e nas máquinas de calcular, pois este sistema apresenta menos risco de erros e interferências por existir apenas dois valores: sim ou não, verdadeiro ou falso, vermelho ou azul, 0 ou 1.
Podemos observar que foi através de todas estas evoluções que surgiu o computador que hoje não é apenas uma máquina de realizar cálculos podendo fazer inúmeras coisas, como ouvir música, assistir filme, conversar com pessoas através da internet dentre outros.
Estas evoluções e os grandes avanços tecnológicos chamaram a atenção dos militares norte-americanos que passaram a investir na criação de maquinas do tipo.
Com isso, juntamente com a IBM e a universidade de Harvard a marinha americana criam o primeiro grande considerado computador denominado Mark 1 em 1944.
O Mark 1 tinha 17 metros de comprimento, 2,5 metros de altura, seu peso era de 5 toneladas, usado para fins bélicos, com aproximadamente 80KM de fios e possuía 750.000 partes unidas.
Um dos problemas apresentado pelo Mark 1 era seu barulho alto e intenso quando estava em funcionamento.
Em 1945 cria-se outro novo computador, o ENIAC que funcionava por meio de válvulas eletrônicas e com o sistema decimal, isso tornava este computador um pouco lento e era muito difícil mudar as instruções em conseqüência da programação ser feita por meio de válvulas e fios que eram trocados de posição de acordo com o que se desejava.
O ENIAC possuía 17.468 válvulas, pesava 30 toneladas, 5,5 metros de altura, 25 metros de comprimento.
O problema do ENIAC foi por possuir muitas válvulas operando a 100.000 pulsos por segundo, com isso, a probabilidade de uma válvula falhar era muito grande e por se aquecerem muito, constantemente uma válvula queimava, além de consumir muita energia e eram lentas.
Graças à idéia de Von Neumann no qual era possível programar computadores através programas criam-se os primeiros computadores a utilizarem esta técnica - que é utilizada até hoje - o EDIVAC e EDSAC.
Todas estas gigantescas máquinas citadas eram operadas pelos próprios criadores, ou seja, não eram comerciais para usuários comuns.
As grandes empresas como a IBM não acreditavam no comércio de computadores para usuários comuns, já que a função delas era somente de fazer cálculos.
Contudo, cria-se o primeiro computador em escala comercial para usuários, o UNIVAC em 1951.
Desde os primórdios, os computadores estão em constantes evoluções até hoje. A história da informática muda continuamente.
(Por ClipaTec Informática)

0 comentários:

Postar um comentário

Visite nossa página de Política de comentarios antes de comentar para ter certeza de que seu comentário não será excluído! Lembre-se, assim que aprovarmos o teu comentário ele será publicado, por isso, não deixe de sempre visitar nosso blog e conferir nossa resposta ao seu comentário, abraço!